Resolução da Eletrobrás deve causar a demissão de mais de 700 funcionários no AM

 
A Eletrobrás Amazonas Energia deve demitir cerca de 700 funcionários com até 24 anos de serviço para atender a recomendações do Ministério Público do Estado (MP-AM).
De acordo com a Eletrobrás, a 55ª Promotoria de Justiça Especializada na Proteção e Defesa dos Direitos Constitucionais do Cidadão do MP-AM entrou com recomendação em 2012 para que o órgão começasse um calendário de desligamento dos contratos de trabalho sem prévia aprovação em concurso público, o que levou a resolução 146/2017 onde foi definido que os funcionários admitidos irregularmente a partir de 24/03/1993 passarão por um processo de desligamento gradual que não afete o serviço prestado à sociedade.
Já o Sindicato dos Urbanitários do Amazonas (STIU-AM) aponta como problema o fato de que essa larga demissão acontece durante um período onde tem sido debatida a privatização da Eletrobrás e que grande parte dos primeiros a serem desempregados, de acordo com o calendário definido pela empresa, serão funcionários do interior.
Fonte: http://www.portaldoholanda.com.br/?
Resolução da Eletrobrás deve causar a demissão de mais de 700 funcionários no AM Resolução da Eletrobrás deve causar a demissão de mais de 700 funcionários no AM Reviewed by Junior Souza on 03:46 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.